São Paulo tem 2,1 milhões de pessoas sob racionamento